OS LOUCOS GERAM MAIS RESULTADOS

Gerir pessoas é certamente o maior desafio de qualquer organização, o resto é consequência.

Aí vem o “nuvem negra” de plantão, aquele que só diz “oh vida, oh céus:

  • É, mas se não tiver preço não adianta-
  • Resposta: aparenta a vender valor e nunca mais você vai discutir preço.
  • É, mas se a tecnologia não funcionar estamos perdidos.
  • Resposta: no tempo que você usa para reclamar do que tem, já inventaram outra coisa. Está obsoleto, então aproveite!
  • É, mas o mercado está difícil.
  • Resposta: e vai piorar. Competição e a regra do jogo e é global. Alertam um botão na Índia e vendem aqui em Sorocaba e ainda entregam em 48 horas!

Se você não quer brincar, não vá para o play-ground!

Gestão de pessoas tem muito mérito no sucesso ou muita culpa quando os resultados não aparecem.

Pense comigo:

Se o mercado é uma guerra, que tipo de general você quer?

Aquele que fica preocupado com a administração do quartel, se o jipe está limpo, se tem mantimentos para a refeição.

Ou aquele general que tem sangue nos olhos, coloca o fuzil nas costas e dá um grito de guerra para a tropa, deixando todo mundo motivado e em linha para ir ao front!

Trecho do meu livro Os Loucos Geram Mais Resultados, com o @luispauloluppa.

Você entregaria o seu exército para um general que nunca deu um tiro?

Então, tem gente contratando vendedor para ser gerente de vendas. Contratando consultor para dirigir empresas.

Quem planta manga não vai colher morango!

Vá visitar seus clientes e ver como funciona o mundo real, porque se contratou errado a conta vai ficar bem cara!

E você líder, como tem feito as escolhas das melhores pessoas para sua equipe?

Compartilhe comigo suas experiências. Vai ajudar muito outros gestores!