TENTATIVA (UM POUCO DE POESIA)

“Somos mais do que simplesmente
Figuras dispersas no meio da névoa.


Diria que somos retratos incolores
Que não traduzem numa só imagem
A natureza indelével que constitui o nosso ser.


E o que é o ser sem o desejo de ter
Pensamentos voltados para algo maior.

Talvez devêssemos dar mais importância para as cores.


O azul, por exemplo:
Céu sem nuvens, mar profundo em dia claro,
Espectro visível de radiação eletromagnética,
Safira.

Ou talvez devêssemos viajar:


Lugares distantes, planetas perdidos,
Imensidão cósmica de um espaço sideral.

Quantas coisas em que nunca pensamos…

Utopia? Você pode achar.
Mas pense um pouco nessas coisas…

A força de cada um está no que pensamos ser impossível realizar.


Pequenas partes de um grande todo,
Voltadas para um só objetivo:
Viver.”

Este poema de minha autoria, chama-se Tentativa e foi publicado originalmente no meu livro de poesias Retrato de Poeta.

E você, qual a poesia que faz parte da sua vida?

Adoraria ver seu comentário!